Livros  >>  Música

Chiquinha Gonzaga
Uma história de vida
Declaração: Mario de Andrade

"Vivendo no Segundo Império e nos primeiros decênios da República, Francisca Gonzaga teve contra si a fase musical muito ingrata em que compôs; fase de transição, com suas habaneras, polcas, quadrilhas, tangos e maxixes, em que as características raciais ainda lutam muito com os elementos da importação. E, ainda mais que Ernesto Nazareth, ela representa essa fase. A gente surpreende nas suas obras os elementos dessa luta como em nenhum outro compositor nacional. Parece que a sua fragilidade feminina captou com maior aceitação e também maior agudeza o sentido dos muitos caminhos em que se extraviava a nossa música de então."
PESQUISE NO CONTEÚDO DOS LIVROS
powered by Google
LINKS
> Ouça algumas músicas de Chiquinha Gonzaga na rádio do Instituto Moreira Salles.

> O Instituto Moreira Salles é responsável pelo acervo de Chiquinha Gonzaga. Saiba mais sobre isso e visite o site da instituição.

> Conheça o site ChiquinhaGonzaga.com, dedicado à obra da compositora.

> No caranaval de 1985 o enredo da Mangueira foi dedicado a Chiquinha Gonzaga. Veja foto do desfile e conheça a letra do samba.

> Em 1997, a Imperatriz Leopoldinense dedicou seu enredo a Chiquinha Gonzaga, homenageando os 150 anos de seu nascimento. Ouça o samba.

CONFIRA TAMBÉM!
> Chiquinha Gonzaga inovou na moda e não se vestia como as mulheres da época. Saiba mais.

> Leia a declaração de Mario de Andrade sobre Chiquinha Gonzaga.

> Leia entrevita com a autora.

ZAHAR    rua Marquês de São Vicente 99 – 1º andar, Gávea, Rio de Janeiro, RJ, Brasil   22451-041   Tel.: 21 2529-4750  sac@zahar.com.br  ©2007