Livros  >>  Ciências Sociais

A política nos quartéis
Revoltas e protestos de oficiais na ditadura militar brasileira
SINOPSE

Capitães amotinados e coronéis conspiradores; generais que caíram em desgraça e políticos golpistas dissidentes. A historiadora francesa Maud Chirio revela um ponto de vista original sobre o regime militar brasileiro ao retratar a intensa vida política dentro das Forças Armadas durante o período. Seu foco são os oficiais de patentes médias ou inferiores, que foram a favor do golpe de 1964, mas terminaram sendo politicamente derrotados.

Para escrever o livro, Chirio utilizou uma extensa bibliografia, além de realizar entrevistas inéditas com antigos participantes do regime militar, o que lhe possibilitou a leitura de documentos muitas vezes secretos ou pouco acessíveis.

O panorama que traçou revela uma fina compreensão sociológica da instituição militar. Um contexto que propiciou manifestos, pressões, panfletagem, protestos, revoltas e até atentados promovidos por oficiais. Influiu, ainda, diretamente sobre as escolhas políticas, econômicas e policiais do poder ao longo dos 21 anos da ditadura deflagrada com o golpe de 1964. A política nos quartéis é um marco na renovação dos estudos sobre o tema.

PESQUISE NO CONTEÚDO DOS LIVROS
powered by Google
CONFIRA TAMBÉM!
> Por que ler esse livro? Celso Castro, professor da Fundação Getulio Vargas e atual diretor do CPDOC/FGV, responde.

> Maud Chirio já viveu no Brasil. Acompanhando o marido em uma viagem de estudos, resolveu cursar mestrado no país. Começou aí seu interesse pela história brasileira. Nessa entrevista, ela conta detalhes sobre essas e outras questões.

ZAHAR    rua Marquês de São Vicente 99 – 1º andar, Gávea, Rio de Janeiro, RJ, Brasil   22451-041   Tel.: 21 2529-4750  sac@zahar.com.br  ©2007