Livros  >>  Cinema









Compre na Cultura
Compre na Saraiva
Compre no Submarino
Compre na Livraria da Travessa

Detalhes:
Coleção Guia Ilustrado Zahar

Flexível
13 x 22 cm
512pp
ilustrado
R$ 74,90

Data de Lançamento:
24/8/2007

4ª edição revista e atualizada - 2012

ISBN:
978-85-378-0785-9

Tradução:
Carolina Alfaro

Revisão técnica: Jaime Biaggio


Outras áreas: Administração
Artes
Biografias
Ciência
Ciências Sociais
Cinema
Coleções
Coleções de Bolso
Comunicação
Dicionários
Economia
Educação
Filosofia
Gastronomia
Geografia
História
História em Quadrinhos
Infantil
Juvenil
Letras
Literatura
Música
Policial
Política
Psicanálise
Psicologia
Teatro
TV
Variedades
Guia Ilustrado Zahar de Cinema

SINOPSE

Do romantismo de Cantando na chuva à violência de Laranja mecânica. Do horror de Os pássaros à ternura de E.T., o extraterrestre. Do impacto causado por obras-primas como Jules e Jim, Deus e o diabo na Terra do Sol ou Tempos modernos à diversão inteligente de Shrek. O cinema é a forma de arte mais popular do mundo. Com pouco mais de um século de história, a invenção dos irmãos Lumière mudou os parâmetros da arte ao se transformar em um bem de consumo de massa capaz de criar novas linguagens e até mesmo influenciar outras formas de expressão artística, como a literatura e a pintura. O Guia Ilustrado Zahar de Cinema, organizado pelo crítico inglês Ronald Bergan, é uma viagem pela história, os gêneros e as biografias de atores e diretores que fizeram da sala escura uma porta para um novo universo.

Além de indicar as 100 obras-primas que nenhum cinéfilo pode deixar de ver, Bergan lista diretores do mundo todo de A a Z, perfila grandes estrelas e explica como é o ciclo de vida de um filme, do argumento à estréia.

O volume, que faz parte da coleção de Guias Ilustrados que a Zahar apresenta desde 2006 aos leitores brasileiros, também traça um panorama da cinematografia de países como Espanha, Índia, Japão e China, entre outros. O autor analisa ainda as características e a contribuição do cinema latino-americano. Em capítulos sobre a América Central e a América do Sul, Bergan comenta a tradição política dos cineastas destes países e destaca a obra de brasileiros como Glauber Rocha, Ruy Guerra, Cacá Diegues e Nelson Pereira dos Santos. Relata também que, nos anos 1980, o cinema latino-americano passou por um renascimento, listando obras como Central do Brasil, de Walter Salles, Cidade de Deus, de Fernando Meirelles, Nove rainhas, do argentino Fabián Bielinsky, e Whisky, do uruguaio Pablo Stoll.

O guia inclui:

· Centenas de ilustrações e verbetes;
· 100 grandes filmes que o leitor não pode deixar de ver;
· Linha do tempo com grandes acontecimentos do cinema mundial;
· Código de cores e símbolos para orientar o leitor;
· Diretores de A a Z: perfis de grandes criadores, tanto de Hollywood quanto do cinema mundial, com dados biográficos e pontos altos da filmografia;
· Perfis de grandes estrelas;
· Seção de gêneros cinematográficos, explicando o desenvolvimento da comédia e do drama, entre muitos estilos, através de filmes-chave que ajudam a entendê-los;
· Comentários sobre a cinematografia de países como China, Índia, México e Japão, além de capítulos sobre obras da América Central e da América do Sul

PESQUISE NO CONTEÚDO DOS LIVROS
powered by Google
LINKS
Confira críticas dos filmes em cartaz e artigos sobre cinema.

Saiba tudo sobre o mundo do cinema.

Teste os seus conhecimentos sobre cinema e saiba mais sobre o título visitando o hotsite da Bienal do Livro 2007, realizado pela Zahar.

. Instituto de Cinema Americano elegeu os 100 melhores filmes do século XX. Saiba quais são.

ZAHAR    rua Marquês de São Vicente 99 – 1º andar, Gávea, Rio de Janeiro, RJ, Brasil   22451-041   Tel.: 21 2529-4750  sac@zahar.com.br  ©2007