Livros  >>  Cinema

O Brasil Antenado
A sociedade da novela
SINOPSE

Por que certas novelas conquistam o público e outras não? Como influenciam a sociedade? Quais os limites entre realidade e ficção?
Resultado de um estudo orientado pelo renomado antropólogo Marshall Sahlins, o livro discute essas e outras questões combinando pesquisa histórica, análise de texto, entrevistas e observação participante. Ao traçar a evolução das novelas desde Roque Santeiro até O Rei do Gado e O Clone, passando por Pantanal, a autora expõe o poder da teledramaturgia na constituição de práticas e relações sociais.
O Brasil Antenado mostra que nada é óbvio nessa operação chamada novela: Esther Hamburger revela com primor a lógica das pesquisas de audiência e o pacto que se estabelece com o telespectador, assim como delimita de que forma as novelas transitam entre classes e gêneros.
Capítulo importante da reflexão sobre uma das mais populares manifestações da indústria cultural, investiga os mecanismos de produção de telenovelas e suas possíveis implicações na história recente do país. Uma contribuição fundamental para o estudo antropológico da televisão.

"A história da telenovela no Brasil permite que Esther Hamburger recupere, com grande sensibilidade e rigor, a própria história da televisão brasileira, assim como questões privilegiadas da antropologia contemporânea." Lilia Moritz Schwarcz

PESQUISE NO CONTEÚDO DESTE LIVRO
powered by Google
ZAHAR    rua Marquês de São Vicente 99 – 1º andar, Gávea, Rio de Janeiro, RJ, Brasil   22451-041   Tel.: 21 2529-4750  sac@zahar.com.br  ©2007