Livros  >>  Ciência









Compre na Cultura
Compre na Saraiva
Compre na Livraria da Travessa

Detalhes:
Brochura
16 x 23 cm
344pp
ilustrado
R$ 49,90

Data de Lançamento:
5/7/2006

ISBN:
978-85-7110-924-7

Tradução:
Maria Luiza X. de A. Borges


Outras áreas: Administração
Artes
Biografias
Ciência
Ciências Sociais
Cinema
Coleções
Coleções de Bolso
Comunicação
Dicionários
Economia
Educação
Filosofia
Gastronomia
Geografia
História
História em Quadrinhos
Infantil
Juvenil
Letras
Literatura
Música
Policial
Política
Psicanálise
Psicologia
Teatro
TV
Variedades
Os botões de Napoleão
As 17 moléculas que mudaram a história

SINOPSE

Será que podemos explicar o fracasso da campanha de Napoleão na Rússia, em 1812, por algo tão insignificante quanto um botão? Quando exposto a temperaturas baixas, o estanho se esfarela, e todas as fardas dos regimentos de Napoleão eram fechadas com botões feitos desse material.
Com estilo cativante, temperado com diversas histórias curiosas, a professora de química Penny Le Couteur e o químico industrial Jay Burreson fazem uma fascinante análise de 17 grupos de moléculas que, como o estanho daqueles botões, influenciaram o curso da história. Essas moléculas produziram grandes feitos na engenharia e provocaram importantes avanços na medicina e no direito. Além disso, determinaram o que hoje comemos, bebemos e vestimos.
Ao revelar as espantosas conexões químicas que unem eventos aparentemente não relacionados, os autores esclarecem que:

• Por causa da química, a colônia Nova Amsterdã tornou-se Nova York.
• Um contratempo na limpeza da cozinha com um avental de algodão resultou no desenvolvimento dos explosivos modernos e da indústria cinematográfica.
• A ânsia dos europeus pela cafeína – um alcalóide que vicia – levou à Revolução Chinesa.
• Foi um laboratório químico que, em busca de um analgésico potente, criou a heroína.


"Em geral não paramos para pensar na história ou na composição química de especiarias, borracha, nicotina, penicilina ou um sem-número de produtos que mudaram o mundo. Isso é belamente realizado em Os botões de Napoleão, com sua brilhante mescla de química e cultura. O livro é estimulante e de leitura extremamente agradável." Oliver Sacks, autor de Um antropólogo em Marte
PESQUISE NO CONTEÚDO DOS LIVROS
powered by Google
LINKS
> Leia resenha do livro publicada no UOL Educação.

> Leia resenha sobre o livro publicada no UOL Educação.

ZAHAR    rua Marquês de São Vicente 99 – 1º andar, Gávea, Rio de Janeiro, RJ, Brasil   22451-041   Tel.: 21 2529-4750  sac@zahar.com.br  ©2007