Livros  >>  Psicanálise

Freud e a Judeidade
A vocação do exílio
SINOPSE

Ao empreender uma análise crítica da relação entre Freud e a condição judaica, a autora realiza aqui um estudo original, onde a criação da psicanálise é vista como a expressão maior de uma "judeidade".
Sua argumentação centra-se na demonstração de que os traços de exílio e êxodo inscritos na história do povo judeu e a prática de leitura-escritura infinita do Livro dos livros desempenham um papel essencial na descoberta freudiana da psicanálise.
PESQUISE NO CONTEÚDO DESTE LIVRO
powered by Google
ZAHAR    rua Marquês de São Vicente 99 – 1º andar, Gávea, Rio de Janeiro, RJ, Brasil   22451-041   Tel.: 21 2529-4750  sac@zahar.com.br  ©2007